Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

*Há pessoas muita malucas!"

Depois de congelar - sim, congelar mesmo por causa do vento - uns dez minutos na paragem, finalmente chega o meu ansiado autocarro..Entro e sento-me num lugar que me proteja do frio da porta traseira sempre que abre.

 

Reparo, então, numa mulher que vai sentada atrás do motorista a falar ao telemóvel muito alto. Uma conversa completamente desconexa, interrompida pela constante falha de rede.

 

De vez em quando perguntava ao motorista:

- Já estamos na venda da velha*? - primeira vez.

- Já estamos na venda da velha*? - segunda vez.

- Já estamos na venda da velha*? - terceira vez.

Responde o motorista com a maior paciênca do mundo:

- Já lhe disse que chegamos à venda da velha quando o autocarro parar...

A mulher volta a fazer um telefonema (aos altos berros) e pergunta a quem está do lado de lá:

- Quem é a vaquinha que está aí com você hoje? - e desata a proferir uma série de disparates que eu nem consegui fixar!

 

Vim o resto do caminho a pensar se a fulana estaria bêbeda ou drogada... ou se sofreria de u grau de loucura tal que a poria a proferir um discurso como aquele! Haja paciência!

 

* nome fictício, que atribui à zona.